Capital

O capital é um dos quatro fatores de produção, que é composto por bens duráveis ​​destinados à produção.

Capital

O capital é um dos quatro fatores de produção junto com a terra, o trabalho e a tecnologia. É caracterizada por compreender todos os bens duráveis ​​que são utilizados na fabricação de outros bens ou serviços. Assim, por exemplo, um forno faz parte do capital de um padeiro, pois ele o utiliza para cozinhar o pão (outro bem) e os serviços que ele presta durarão vários anos.

Nessa linha, o capital serve para gerar valor. Isto, através da fabricação de outros bens ou serviços ou pela obtenção de lucros ou lucros na detenção ou venda de valores mobiliários.

Para produzir bens ou serviços, o capital deve se combinar com outros fatores de produção. A combinação precisa dependerá da tecnologia utilizada e das características do bem ou serviço produzido.

O capital aumenta a produtividade dos outros fatores produtivos. No entanto, se o capital permanecer fixo e o restante dos fatores aumentar, o aumento da produtividade será decrescente (lei da produtividade marginal decrescente).

Capital também se refere aos recursos financeiros que são investidos em determinado projeto de fabricação ou comercialização de serviços. Além disso, o capital também é considerado receita de juros ou outros ganhos financeiros.

Objetivo de capital

O objetivo do capital é a obtenção de lucro ou juros sobre a atividade econômica ou o instrumento financeiro onde o dinheiro é investido. Sua principal característica é ser um fator que pode ser utilizado para gerar mais valor. Embora a mera posse ou investimento deste em um projeto não garanta que o resultado será bem sucedido.

No caso das empresas, os sócios realizam aportes de capital na forma de dinheiro, bens ou conhecimento com a expectativa de obter lucros no futuro.

Da mesma forma, no caso de instrumentos financeiros, as pessoas investem seu capital neles na esperança de obter lucro na revenda ou pelos juros gerados durante o tempo em que mantêm o ativo em sua propriedade.

Tipos de capital

O capital pode ser agrupado em várias categorias. Aqui estão alguns exemplos dessas categorias.

  • De acordo com o tipo de proprietário:
    • Público : propriedade estatal ou governamental, por exemplo, edifícios de entidades públicas.
    • Privado : onde os proprietários são agentes privados, como indivíduos, empresas ou organizações. Referimo-nos, por exemplo, às máquinas de um fazendeiro.
  • De acordo com a constituição:
    • Físico : significa que é tangível e visível, como máquinas agrícolas, computadores, estruturas, edifícios, etc.
    • Intangível : não é tangível, mas é real. Referimo-nos a ideias, conceitos, marcas, imagens, entre outros, que gerem valor.
  • De acordo com o prazo:
    • Curto prazo : os lucros são esperados a curto prazo (geralmente dentro de um ano). Pode ser, por exemplo, o capital investido na revenda de produtos que devem ser vendidos integralmente em um ano. Na contabilidade está incluído no ativo circulante.
    • Longo prazo : Aquele que é investido com perspectiva de lucro em vários anos, por exemplo, o investimento na construção de uma infraestrutura cujos benefícios serão vistos em cinco anos. Na contabilidade está incluído no ativo não circulante.
  • Outros tipos de capital:
    • Capital humano: é uma medida do valor econômico das habilidades profissionais de uma pessoa.
    • Capital financeiro: representa todo o patrimônio líquido de uma pessoa a preços de mercado.
    • Capital social: São as contribuições que os sócios de uma empresa entregam e pelas quais obtêm uma parte da propriedade da empresa.
    • Capital de risco: é o investimento em capital de empresas privadas (que não estão cotadas em bolsa).
    • Capital flutuante: é a porcentagem dos acionistas em circulação de uma empresa que pode ser adquirida por investidores de varejo.

Capitalismo e capital

Vale ressaltar que o que chamamos de capitalismo é um sistema econômico e social que se baseia na ideia de que o aumento do capital por meio do investimento privado é o mecanismo de geração de riqueza.